Caso Iago Maidana termina em pizza

O São Paulo foi praticamente absolvido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) após julgamento realizado nesta segunda-feira, no Rio de Janeiro. O clube paulista, denunciado pelo tribunal pela contratação do zagueiro Iago Maidana, acabou multado em R$ 100 mil. O time corria o risco de ser até rebaixado.

Criciúma e Monte Cristo também foram multados em R$ 100 mil e Iago Maidana em R$ 10 mil. O Criciúma ainda recebeu uma advertência do STJD.

Iago Maidana, foi contratado pelo São Paulo no dia 11 de setembro por R$ 2 milhões (com acréscimo de R$ 400 mil caso metas sejam cumpridas), depois de ser comprado do Criciúma por R$ 800 mil e passar dois dias registrado em um clube da terceira divisão de Goiás, o Monte Cristo.

“A decisão adequada é a absolvição do São Paulo e do atleta. É isso que vamos buscar em recurso. Qualquer um pode ver esse caso, vamos sustentar a mesma coisa. A lei não foi infringida, assim como nenhum regulamento. O São Paulo vai buscar a sua absolvição onde for necessário. Eu não contava com rebaixamento, porque não teve irregularidade no negócio. O negócio pode não ser comum, mas não é ilegal, R$ 100 mil é muito para quem buscava a absolvição”, disse Roberto Armelin, advogado do São Paulo.

Deixe uma resposta