“Cabra macho e arretado”; Hernanes celebra 29 anos e se define na Seleção

brazil-wcup-soccer_amar
(Foto: AP)

Hernanes passou quase cinco meses de dúvidas. Ele esteve presente em todas as convocações de Luiz Felipe Scolari, mas a ausência de seu nome na lista para o amistoso contra a África do Sul, único disputado neste ano, despertou dúvidas sobre sua ida para a Copa do Mundo.

Convocado e escolhido para dar entrevistas nesta quinta-feira, dia em que completa 29 anos, o jogador do Internazionale demonstrou mais uma de suas marcas registradas: declarações que fogem do lugar-comum. De cara, questionado sobre o trabalho com a psicóloga Regina Brandão, definiu seu perfil:

– Não foge muito do perfil de todo pernambucano. Sou cabra macho, arretado, não desisto nunca. Assim como os brasileiros em geral. A determinação é nossa maior força, a perseverança e o drible porque temos que driblar os problemas da vida, as dificuldades. Essas características são meu perfil.

Hernanes deve iniciar a Copa do Mundo no banco de reservas, mas durante a Copa das Confederações ele foi um dos jogadores mais utilizados entre os que não começavam jogando. Um de seus trunfos é a versatilidade, já que ele pode entrar tanto nas vagas de Paulinho ou Luiz Gustavo, em função de mais proteção, quanto na de Oscar, para deixar o meio mais compacto.

– É difícil entrar no time titular porque está muito bem encaixado, mas nós queremos jogar e isso é positivo para o grupo porque não deixa que o titular relaxe. Ele sabe que tem um cara doido pra jogar e mostrando nos treinamentos que tem potencial e pode tomar a vaga se ele vacilar. Isso é saudável.

Deixe uma resposta