Bolsonaro volta a criticar isolamento social

Foto: Divulgação

Bolsonaro (sem partido), criticou mais uma vez o isolamento social como forma de conter o avanço do coronavírus.

“O objetivo do isolamento social é não haver gente se aglomerando nas frente de hospital sem atendimento, e, pelo que me consta, ninguém morreu por falta de UTI ou respirador”, disse o presidente.

“Tem que pensar na economia. Não adianta ficar falando em vida, em vida, em vida, porque o isolamento mata”, afirmou.

O presidente lamentou as mortes, que chegaram a 78.735 no Brasil neste sábado, mas disse: “temos que enfrentar o problema de cabeça erguida”.

Decisão do Supremo Tribunal Federal proibiu o presidente de interferir nas quarentenas decretadas por governadores e prefeitos.

 

Deixe uma resposta