Atlético-MG reclama da falta de ingressos contra Corinthians

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Cerca de mil torcedores do Atlético Mineiro ficaram fora do estádio, sem ingressos na Arena Corinthians, no confronto contra o Timão pelo Campeonato Brasileiro.

A capacidade do setor visitante da Arena Corinthians é de 2 mil torcedores, mas menos de mil entradas foram disponibilizadas na noite de sábado aos torcedores atleticanos. De acordo com o Corinthians, 800 ingressos eram destinados às excursões de torcidas organizadas, enquanto outros 170 atendiam ao pedido da diretoria atleticana.

O Atlético afirma que esperava cerca de 2 mil ingressos , já que nos jogos em que é mandante contra o time paulista, o clube mineiro disponibiliza 2 mil ingressos.

O presidente Daniel Nepomuceno se manifestou sobre o assunto através de nota oficial.

De acordo com o Atlético, o Corinthians foi avisado de que ao menos 2 mil torcedores do clube iriam para a Arena no último sábado.

Confira a nota oficial na íntegra:

“Em relação ao lamentável episódio de ontem (18/7), em que parte da torcida do Galo não pôde entrar na Arena Corinthians devido à falta de ingressos, o Atlético esclarece que:

A compra antecipada de ingressos pelo visitante, direito previsto no Art. 80 do Regulamento Geral de Competições da CBF, não é uma prática muito utilizada pelos clubes no Campeonato Brasileiro.

Em todos os estádios do Brasil, prevalece o bom senso dos clubes no que se refere à destinação de ingressos para a torcida adversária.

Sempre que Atlético e Corinthians se enfrentaram em Belo Horizonte, pelo Campeonato Brasileiro, o clube paulista não precisou exercer o direito de compra antecipada de ingressos para ter sua torcida nos estádios, uma vez que o Atlético sempre destinou dois mil ingressos para a torcida corintiana.

O Atlético informou ao Corinthians que teria de 2 a 2,5 mil torcedores no estádio e lamenta o ocorrido, uma vez que sempre respeitou a torcida do Corinthians nos jogos realizados em Belo Horizonte.
Clube Atlético Mineiro
Daniel Nepomuceno”
Presidente