Atacante Grafite deixa o Atlético Paranaense

Foto: Divulgação

O atacante Grafite pediu a rescisão do contrato com o Atlético Paranaense na noite de quinta-feira, após reunião com a diretoria do clube. A decisão de quebrar o vínculo, que ia até dezembro, partiu do atleta.

Grafite foi anunciado ainda em 2016 pelo Furacão. Vindo do Santa Cruz, onde anotou 24 gols na temporada, ele foi considerado o principal nome para a temporada atleticana. Em 24 jogos no Atlético-PR, marcou apenas um gol, de pênalti, anotado na vitória por 1 a 0 sobre o Millonarios, da Colômbia, na fase eliminatória da Libertadores da América.

Abaixo na parte física, Grafite lesionou a panturrilha durante o jogo contra o JMalucelli, pelo Paranaense. Depois, voltou a atuar como titular e disputar uma partida inteira na vitória sobre o Londrina, por 2 a 1, pela semifinal do Campeonato Paranaense.

O atacante chegou a ser alvo da torcida na derrota por 3 a 0 para o Coritiba, pelo jogo de ida da decisão do Campeonato Paranaense. Os torcedores perderam a paciência e xingaram o jogador. Depois da derrota por 3 a 0 para o San Lorenzo, pela Libertadores, ele chegou a admitir que ainda não tinha rendido o esperado no clube. Contra o Flamengo, a torcida mostrou apoio e gritou o nome do jogador, reconhecendo o esforço no empate em 1 a 1.

Sua última partida com a camisa rubro-negra foi na última quarta-feira, na derrota por 3 a 2 para o Santos, pelo jogo de ida das oitavas de final da Libertadores da América. O centroavante foi acionado por Eduardo Baptista aos 28 minutos do segundo tempo, quando entrou no lugar do volante Matheus Rossetto. A torcida não gostou da substituição e vaiou a escolha do treinador.

Deixe uma resposta