Ary Graça entrega carta-renúncia e deixa a presidência da CBV

CBV
(Foto: Alexandre Arruda / CBV)

O superintendente-geral da Confederação Brasileira de Voleibol, Neuri Barbieri, entregou uma carta de renúncia e deixa a CBV em definitivo após as denuncias entenda caso:

Segundo as denúncias, feitas por reportagens da ESPN Brasil, os beneficiários teriam sido o ex-presidente-geral da CBV, Marcos Pina, que renunciou ao cargo depois do início da crise; e o atual diretor-geral da FIVB, Fábio André Azevedo. Os valores teriam sido depositados em empresas pertencentes a eles, 10 milhões cada por intermediar as negociações de patrocínio entre a CBV e o Banco do Brasil.

Em seu lugar assume Walter Pitombo Laranjeiras, mais conhecido como Toroca.

Deixe uma resposta