Arthur Nory recupera medalhas furtadas após denúncia e ação da PM

O ginasta Arthur Nory recuperou as 33 medalhas que haviam sido roubadas na última sexta-feria (5), durante um furto a sua residência, graças a uma denúncia feita à Polícia Militar do Estado de São Paulo (PMESP). No final da tarde de ontem (9), ao averiguar a informação, agentes do 14º Batalhão Militar Metropolitano foram à Rua Teotônio Viléla, no bairro de Osasco, e encontraram numa lixeira uma caixa com as medalhas do atleta, junto a uma carta em que o ladrão disse estar arrependido. 

Entre as medalhas furtadas estavam três comendas conquistadas no Pan-Americano de Lima, em 2019. Já o o bronze olímpico no solo e o ouro conquistados nas barras fixas no Mundial de 2019 não chegaram a ser levados, pois estão guardados em outro local.

Deixe uma resposta