Após vencer no sufoco, Renato dá bronca na equipe por falta de vontade no jogo contra CSA

Foto: Reprodução

O placar de 2 a 1 para o Grêmio diante do CSA, nesta quinta, na Arena, pode enganar o torcedor. Mas o técnico Renato Gaúcho trata de alertar até mesmo os seus jogadores pela falta de foco que tiveram na partida. Segundo ele, a desatenção quase custou caro. Isso porque o tricolor vencia por 1×0 e tomou um gol quase nos acréscimos, porém, teve forças para conseguir o gol da vitória.

— Já tinha percebido desde o primeiro tempo. Tanto que dei um esporro neles (jogadores). E no intervalo dei outro. Não nos entregamos como deveríamos. Quase deixamos escapar de ingressar no G-4. Eles (CSA) estão dando a vida. Não podemos perder em casa, são pontos irrecuperáveis, que sirva de lição. Mas o mais importante é que conseguimos os três pontos — analisou Renato em entrevista após o jogo.

Renato ainda que conversou com o grupo no vestiário, sobre a falta de foco diante de uma equipe que luta contra o rebaixamento.

— Meu grupo é inteligente, ele já absorveu. Eles sabem que não tiveram foco suficiente. Não são todos jogadores. Mas o foco que tivemos contra o Internacional (no último domingo) não tivemos hoje. Quase custou caro. O exemplo é uma crítica construtiva. Se acontecer de novo, os adversários podem não perdoar a gente — avisou o treinador.

Com o resultado, o Grêmio agora é o quarto colocado, com 53 pontos.

Deixe uma resposta