Anvisa interrompe Brasil x Argentina e jogo é suspenso

Foto: REUTERS/Amanda Perobelli

O clássico Brasil e Argentina na Neo Química Arena, em São Paulo, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, foi suspenso pela arbitragem depois de agentes da Anvisa e da Polícia Federal paralisarem a partida ainda no primeiro tempo. O motivo: quatro jogadores argentinos violaram regras sanitárias ao entrar no país sem comunicar que passaram pela Inglaterra, onde jogam. Eles deveriam ter feito quarentena, medida preventiva à disseminação da Covid-19.

A Conmebol disse que a competição é organizada pela Fifa e que a entidade decidirá os próximos passos depois de sua Comissão Disciplinar receber um informe do árbitro e do delegado da partida. Não há informações confirmadas sobre nova data ou eventual perda de pontos para alguma das seleções.

Emiliano Martinez, Emiliano Buendia, Giovani Lo Celso e Cristian Romero são os jogadores protagonistas da confusão. Todos jogam na Premier League. Ao entrar no Brasil na sexta-feira, eles declararam não ter pisado no Reino Unido nos últimos 14 dias.

O presidente em exercício da CBF, Ednaldo Rodrigues, criticou a ação da Anvisa.

“A Anvisa extrapolou nas suas decisões, poderia ter evitado tudo antes”, disse o dirigente.

Deixe uma resposta