Anna Muylaert quer promover debate com filme “Que Horas Ela Volta?”‏

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

A cineasta Anna Muylaert participou da edição desta quinta-feira do programa “Alta Frequência”, da BandNews FM. O filme “Que Horas Ela Volta?”, dirigido por ela e estrelado por Regina Casé, foi escolhido para representar o Brasil na disputa por uma vaga na categoria de melhor filme em língua estrangeira no Oscar 2016. O anúncio foi feito hoje pelo Ministério da Cultura após reunião da Comissão Especial de Seleção. 

“Esse projeto tem 27 anos. A primeira versão dele trazia apenas a visão da empregada. Até seis meses antes, a Jéssica não vinha estudar na faculdade, mas trabalhar como cabelereira e depois se tornava babá. Acabei mudando com os laboratórios que eu fiz”, revelou a diretora durante a entrevista à jornalista Neli Pereira.

A trama mostra o embate entre a filha e sua mãe, que não aceita as regras impostas à empregada, tais como comer em horário diferente, com talheres diferentes e ficar em tempo integral na casa dos patrões. “O filme tira as pessoas da cadeira errada e, no fim, vai todo mundo para a cadeira certa. O que eu pensei que é que a Jéssica não soubesse essas regras. Trazendo elas do invisível para o visível. A Val é a que mais defende as regras e ela não é o patrão. Esse é um jogo bom que fica no nível do afeto e da filha. A Jéssica acaba podendo questionar mais por não saber”, continua.

Deixe uma resposta