Ampliação de sistema de abastecimento de água atenderá 10 mil pessoas

Foto: Alan Santos/PR

O Presidente Jair Bolsonaro inaugurou, nesta quinta-feira (5), a obra de ampliação do Sistema de Abastecimento de Água do município de Piranhas, em Alagoas, para levar água a quem mais precisa no sertão alagoano. No evento, também foram anunciados R$ 14,8 milhões para a continuidade da obra do Trecho IV do Canal do Sertão Alagoano.

“Esse é um governo que juntamente com o Parlamento brasileiro, os nossos deputados federais e senadores, está resgatando valores em nosso país. Deus, Pátria e família. Todos nós temos o dever de lutar por essa Pátria. O mundo está de olho em nós. Nós temos o que eles não têm. E para que nós possamos dizer que isso é nosso, isso passa pela união dos 210 milhões de brasileiros”, afirma o Presidente Jair Bolsonaro.

O Sistema de Abastecimento de Água recebeu R$ 12 milhões da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), ligada ao Ministério da Saúde. Ele atenderá cerca de 10 mil pessoas da área rural do Distrito de Piau, povoado do município de Piranhas, por meio de captação de água do Rio São Francisco no Trecho III do Canal do Sertão Alagoano, que já está em operação.

“Temos percorrido o Nordeste continuando as obras de transposição do São Francisco, fazendo com que as obras hídricas, como a que estamos entregando hoje aqui, obra da Funasa, para fazermos uma adutora que vai permitir que toda a região rural aqui do Piau tenha segurança hídrica”, ressalta o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

“Muitos não sabem a satisfação e a alegria que é abrir uma torneira e ter água tratada na sua residência, água para permitir que sua família tenha saúde”, acrescenta o ministro.

Recursos para o Canal do Sertão Alagoano

Em Piranhas, também foi anunciada a liberação de R$ 14,8 milhões para a continuidade da obra do Trecho IV do Canal do Sertão Alagoano. O trecho está com 94,6% de execução e a previsão é que seja concluído no primeiro trimestre de 2021.

Com o repasse anunciado nesta quinta-feira, o recurso empregado no empreendimento durante o governo do presidente Bolsonaro chega a R$ 165 milhões. O valor total de investimentos da União no Canal do Sertão Alagoano é de R$ 817,6 milhões.

“Estamos executando obras de emancipação da população do Nordeste. Precisamos permitir que os nordestinos, que são um povo forte, resiliente, capaz e empreendedor, tenham as ferramentas e as condições de empreender as mudanças que sabem e podem fazer”, disse o ministro Rogério Marinho.

Todo o projeto do canal prevê oito trechos, com 250 quilômetros de extensão, beneficiando um milhão de habitantes em 42 municípios. O objetivo é garantir o abastecimento para a população numa região atingida pela seca.

Deixe uma resposta